Novos áudios e vídeo mostram trama para incluir desembargadores em escândalo dos precatórios

 Novos áudios e vídeo mostram trama para incluir desembargadores em escândalo dos precatórios

Quatro anos depois de estourar o escândalo dos precatórios desviados do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), novas provas conseguidas pelo ex-presidente do órgão Osvaldo Cruz podem provocar reviravolta na história.

Ré confessa, a ex-chefe do setor de precatórios, Carla Ubarana, acusou os desembargadores Rafael Godeiro e Osvaldo Cruz de participarem do esquema. No entanto, a gravação em áudio e vídeo obtida pela defesa de Osvaldo mostra uma combinação entre Ubarana e seu marido George Leal, para a delação premiada que beneficiou o casal, hoje em liberdade.

O Ministério Público chegou a publicar trechos da gravação, a qual teve acesso desde o dia em que foi realizada, em 20 de maio de 2012. Entretanto, só alguns trechos foram divulgados, tendo sido suprimida a maior parte do diálogo, entre os quais os trechos que captam Carla e George negociando a “entrega” de desembargadores, para escaparem da punição.

Entenda o caso

Comentários