Recursos sobre fatiamento do impeachment podem anular votação do Senado que cassou mandato de Dilma

JULGAMENTO IMPEACHMENT

Os mais de 20 recursos ajuizados no Supremo Tribunal Federal que questionam o fatiamento da votação do impeachment de Dilma Rousseff geraram um amplo leque de dúvidas, com a possibilidade de uma nova votação ou anulação do processo. Pelo menos dois ministros da Corte já se posicionaram favoravelmente à análise das ações. 

"Eu acho que, em princípio, nós, juízes, deferimos ao Parlamento a solução de questões políticas. Mas quando essas questões políticas são decididas com violação dos princípios inerentes ao Estado democrático de direito, é sindicável ao Supremo a apreciação dessas infrações", disse o ministro Luiz Fux à Folha de S.Paulo.

O advogado da ex-presidente, José Eduardo Cardozo, e a advogada Janaína Paschoal, uma das denunciantes do pedido de impedimento, concordam que uma nova análise pode trazer Dilma Rousseff de volta ao poder. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ouro Branco está de luto: Morre aos 36 anos o ourobranquense Adílio Santos

Edital do Concurso da Prefeitura de Ouro Branco-RN publicado!