Guarani reage com goleada histórica no Brinco, pulveriza ABC e vai à final da Série C

 


Ninguém em nenhuma divisão do Campeonato Brasileiro tinha virado um 4 a 0 para 5 a 4. O desafio era tão grande que pouquíssimos acreditavam. Pouco mais de três mil pessoas, bem a menos que na partida contra o ASA, saíram de casa, vestiram-se de verde e foram vibrar com o time. Foram recompensados com uma postura aguerrida, combativa, desafiadora, vencedora. De campeão. O Guarani fez 2 a 0 no primeiro tempo, precisou de poucos minutos para aumentar para 4 a 0 depois do intervalo e ampliou para 5 e 6 em seguida. Fumagalli (três), Leandro Amaro, Alex Santana e Pipico foram os heróis da noite.

O ABC podia perder de um gol de diferença. De dois. Até de três. A confiança era tão grande que o time começou em marcha lenta a partida de Campinas. O erro foi fatal. Quando o time de Geninho acordou, estava 2 a 0 para o Guarani e Jones Carioca, o artilheiro do campeonato, já não estava mais em campo, expulso. O técnico ainda optou pela saída de Lúcio Flávio, o maior toque de qualidade da equipe, ainda no primeiro tempo. O Mais Querido passou a segunda etapa inteira acuado em seu campo de defesa, esperando por uma bola que acabasse com a. Ela aconteceu, mas do outro lado do campo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ouro Branco está de luto: Morre aos 36 anos o ourobranquense Adílio Santos

Edital do Concurso da Prefeitura de Ouro Branco-RN publicado!