21 de novembro: Emancipação Política de Ouro Branco-RN

Bandeira oficial do Município de Ouro Branco-RN

História – 63 Anos de Emancipação Política


Luiz Basilisso, conhecido como “curandeiro”, muito popular no povoado, deu início às movimentações pela emancipação política, para conseguir a independência em relação a Jardim do Seridó. Já na década de 50, a população do povoado era de 4.334 habitantes.

Basilisso recebeu o apoio do então Deputado Estadual João Guimarães. Tal projeto encontrou resistências dentro da Assembléia Legislativa e também do povoado. Afinal de contas, misturavam-se o temor por parte de alguns de perder os privilégios junto às lideranças jardinenses; por outro lado, havia certa desconfiança quanto aos interesses de Luiz Basilisso.

No dia 1º de Janeiro de 1954, no edifício do Grupo Escolar local, sob a presidência do Sr. Cabo Francisco Pinheiro de Queiroz, subdelegado de polícia, consolidou-se o projeto, legitimado pela Lei nº 907, de 21 de Novembro de 1953, que criou o município de Ouro Branco.

Luiz Basilisso indicou para ser nomeado primeiro prefeito, o Sr. Antônio Aires Néri, mas Manoel Nogueira do Nascimento, muito influente ante às lideranças jardinenses, fez com que a nomeação fosse feita para o seu candidato, José Isaías de Lucena. Este último foi o primeiro prefeito, no período de 14 de Maio de 1954 a 31 de Janeiro de 1955.

A primeira eleição municipal propriamente dita foi no ano de 1954. A UDN (União Democrática Nacional) e o PSD (Partido Social Democrático), foram as duas agremiações políticas envolvidas. O PSD era representado por Luiz Basilisso, enquanto que a UDN por Manoel Nogueira do Nascimento.

O resultado da eleição, segundo a história oficial, não foi totalmente confiável, pois além de não favorecer o candidato cuja vitória era esperada (Luiz Basilisso), uma urna aberta foi encontrada antes da apuração dos votos.

O candidato da UDN, o Sr. Manoel Nogueira do Nascimento, venceu a eleição e assumiu o poder de 1º de Fevereiro de 1955 a 31 de Janeiro de 1959.

Em 57 anos de Emancipação Política, 09 prefeitos governaram a cidade: José Isaías de Lucena (1954; 1970-1973); Manoel Nogueira do Nascimento (1955-1959; 1965-1969; 1973-1976); Luis Paulino de Azevedo (1960-1964); Dr Francisco Lucena de Araújo Filho (1977-1982; 1989-1992); Manoel José de Freitas (1983-1988); Aluísio Nogueira do Nascimento (1993-1996); José Batista de Lucena (1997-2000; 2001-2004); Nilton Medeiros (2005-2008; 2009-2012) e Maria de Fátima de Araújo Silva (2013 aos dias atuais).

Em comemoração a esta tão importante data, a Filarmônica Manoel Felipe Nery fez uma Alvorada, tocando dobrados pelas ruas da cidade hoje pela manhã.

Parabéns, Ouro Branco! Terra do Divino Espírito Santo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ouro Branco está de luto: Morre aos 36 anos o ourobranquense Adílio Santos

Edital do Concurso da Prefeitura de Ouro Branco-RN publicado!