Nelter diz que assessor estaria usando PM cedido à assembleia para amedrontar população de Ouro Branco



O deputado estadual Nelter Queiroz (PMDB), fez um pronunciamento na última quarta-feira (10), durante sessão plenária, denunciando o uso de um Policial Militar, cedido  à assembleia legislativa, que estaria fazendo a segurança de um assessor da presidência daquela casa parlamentar.
Segundo o deputado, o assessor estaria usando o PM, que recebe R$ 2.000,00 de gratificação da assembleia, como segurança pessoal. O assessor citado pelo deputado seria o ouro-branquense Rodrigo Rafael que atualmente é cargo comissionado da assembleia legislativa do RN.
A polêmica veio a tona após o envolvimento do assessor de imprensa da presidência da Assembleia Legislativa em uma confusão com um popular em uma bebedeira no  centro da cidade de Ouro Branco.

A confusão em que o assessor se envolveu chamou a atenção do pequeno município seridoense, já que se tratava do representante do presidente da assembleia legislativa  em Ouro Branco. 

Alguns populares que estavam presentes na Praça Aluísio Alves ficaram amedrontados com a confusão devido a presença de um suposto segurança do assessor que estaria possivelmente armado no local.

Comentários