STF rejeita recurso e votação da reforma trabalhista será hoje

Os senadores que se opõem à reforma trabalhista proposta pelo governo Temer já a...
A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, rejeitou nesta segunda-feira (10) um mandado de segurança do senador Paulo Paim (PT-RS) que pedia a suspensão da tramitação da reforma trabalhista (PLC 38/2017). Dessa forma, o projeto continua na pauta do Plenário para ser votado nesta terça-feira (11).

Comentários