Justiça aceita pedido de bloqueio de bens da prefeita de Ouro Branco feito pelo MP

 http://www.velosodemelo.com.br/wp-content/uploads/2016/02/decreto.jpg

A Juíza de Direito da Comarca de Jardim do Seridó, Janaína Lobo da Silva Maia, deferiu nesta terça-feira (19), pedido de medida liminar formulado pelo Ministério Público do Estado, para decretar a indisponibilidade de R$ 51.200,00 (cinquenta e um mil e duzentos reais) dos bens da Prefeita de Ouro Branco, Fátima Silva (PT).

O pedido foi apresentado no inquérito civil nº 06.2015.00006251-1, que acumula 579 páginas e investigou a legalidade da contratação da pessoa jurídica Diógenes de Araújo Santiago ME, pelo Município de Ouro Branco, entre os anos de 2013 e 2015. O Ministério Público acredita que, em decorrência da contratação, fora gerado dano ao erário público municipal no valor de mais de R$ 50 mil.

Comentários