Jovem de Junco do Seridó morre aos 22 anos por complicações pós cirúgica


Faleceu de forma prematura no Hospital de Emergência e Trauma, no  início da noite deste sábado (14), o juncoense, Serginho, 22 anos, filho do contador, Sérgio Tôrres, que é proprietário do escritório de Contabilidade Preste Contas, na cidade de Soledade e que presta assessoria para diversas prefeituras e câmara municipais na Paraíba. 
 
Serginho estava internado no Trauma e foi submetido a uma cirurgia de vesícula, que estava estrangulada, na última sexta-feira (13). segundo informações do hospital, Sergio teve algumas complicações pós cirúrgica, seu quadro diagnosticado com embolia pulmonar, o que levou o jovem a óbito.

Na cidade de Junco do Seridó, onde Serginho residia com a família, a tristeza é enorme, o jovem que  era uma pessoa bastante querida pela sociedade local., nas redes sociais, os amigos de Sergio deixaram suas ultimas homenagens.
 
Seu pai, consternado, postou uma curta mensagem onde resume o grande sofrimento pela perda prematura do filho amado.
"Perdi meu filho. Muita dor", escreveu Sérgio.

Com Heleno Lima

Comentários